O ministro da Defesa de Israel, Avigdor Lieberman, advertiu os vizinhos do norte do país contra as provocações em relação ao Estado judeu, após numerosos casos disparos vindos do território da Síria.


Israel adverte Síria e Líbano
No sábado, dois projéteis disparados por morteiros atingiram o solo ao lado da cerca de segurança israelense nas Colinas de Golã. Este foi o último de uma sequência de incidentes semelhantes em apenas uma semana. Acredita-se que os projéteis sejam disparados durante combates entre o exército sírio e grupos rebeldes nos arredores da cidade de Quneitra.
O exército israelense retaliou os disparos atacando um posto militar sírio nas arredores da base de Naba Fawar.
O ministro da Defesa israelense disse no domingo que, apesar de Israel permanecer fora da Guerra Civil da Síria, as violações da soberania territorial do país não serão toleradas.
"Não temos a intenção de entrar em conflito, mas eu aconselho os nossos vizinhos a não nos provocar", disse Lieberman a jornalistas durante um briefing na sede militar de Kirya, em Tel Aviv, segundo Jerusalem Post.

"Não toleraremos nenhuma violação do nosso território". 

Ele acrescentou que a Síria e o Líbano já sabem que testar a paciência do exército de Israel não é uma boa ideia.
Além disso, Lieberman apontou que Israel está pronto para apoiar um processo de paz na Síria — a menos que o processo envolva o Irã, Hezbollah ou Assad. 
Axact

ALTGOSPEL

altgospel é um veículo de comunicação online totalmente independente que fornece conteúdos alternativos de notícias cristãs e atualidades do mundo gospel.

Publique um comentário:

0 comments: